Derivados do leite de cabra chegam à mesa

Com sabor e textura inigualável, degustações de queijo de cabra revelam aos consumidores novos encantos

Uma cabra e duas cabritinhas foi o presente que a família Oliveira Bueno recebeu do amigo Mário Nelson Gomes da Costa, que segundo ele, era para dar o leite para os três filhos, que naquela época eram pequenos. O presente um tanto inusitado foi recebido de bom grado pela família que sem saber lidar com o animal ouviu atentamente a recomendação de Costa: “Leve-as ao pasto num dia e no outro pela manhã você tira o leite”.

Para receber os animais foi improvisada uma pequena instalação para abriga-las durante a noite e para a ordenha na parte da manhã. O processo envolveu toda a família, desde os cuidados com os animais até a ordenha. Como a produção do leite era muita, o proprietário Luiz Carlos de Oliveira, buscou pela região quem precisava de um fornecedor de leite de cabra. Neste momento, Oliveira descobriu os benefícios do produto, como também os preconceitos que ainda rondam o leite de cabra. “As pessoas diziam que o leite e o queijo tinham odor e sabor desagradável, sem nunca terem experimentado”, conta o produtor que reverteu à situação oferecendo degustações, “Realizamos algumas degustações. Com isso, as pessoas ainda receosas provaram e gostaram. Hoje o produto está cada vez mais apreciado e procurado”.

Para proprietário, poder participar de feiras de produtores promovidas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), assim como a oportunidade de mostrar seus produtos na Feira Projeto Aproxima que ocorre na capital, deu visibilidade para seus laticínios e abriu novos mercados. “Com os nossos produtos nas feiras, as pessoas provam gostam e levam para casa”, revela Oliveira, que através das feiras conseguiu inserir seus produtos em armazéns, padarias e supermercados da capital, e os preços variam entre R$ 15 e R$ 40.

 

Capril Santa Fé

Sitio Santa fé - Arquivo pessoal

O Capril Santa Fé surgiu em 2003, na Zona da Mata, no distrito do Galego, nas margens da BR-040, no município de Barbacena e foi se adaptando conforme as demandas do mercado.  “Hoje tenho 30 cabras da raça Saanen, entre jovens e adultas”, explica o proprietário, que tira cerca de 150 litros de leite por dia.

No inicio, a produção do leite era maior que a saída e para não perder, o proprietário começou a preparar em sua residência o queijo minas frescal, o que antes era para evitar o desperdício, hoje necessita do auxilio de cinco produtores para o fornecimento de leite para completar a sua produção de queijo. “Com a ajuda dos outros rebanhos, consigo produzir cerca de 30 quilos de queijo por dia”, destaca o proprietário que para melhorar a produção ampliou o espaço, participou de cursos e tirou o SIM- Sif – Selo de Inspeção de Agricultura Familiar, que emite um certificado de qualidade aos produtos de origem animal.Capril Santa Fé - Foto Renan Lameu

Hoje a pequena a indústria já se encontra cadastrada com o Selo de Inspeção Estadual no IMA/Agroindústria Familiar, o que permite a comercialização dos produtos em todo o Estado de Minas Gerais. No Capril Santa Fé é produzido atualmente o leite pasteurizado, iogurte e os queijos tipo frescal, camponês (meia cura) e boursin (tipo de queijo francês, classificado como fresco e de consumo imediato).

De acordo com Marlene Bueno, esposa de Luiz Carlos, o queijo de cabra tem sabor diferenciado e consistência que dá liberdade para usar em tudo que é tipo de receita, e foi uma destas que ela compartilhou com nosso leitores. Pão de queijo com leite e queijo de cabra camponês (receita abaixo).

Tipos de queijo de Cabra


Boursin

Fresco e pastoso, graças ao acréscimo de creme de leite de cabra. Pode ser conservado em azeite e vai bem se misturado a ervas, especiarias, frutas e geleias.

Queijo Minas Frescal de Cabra

Mais claro e macio é comumente redondo. Queijo de massa fresca e úmida, o que o faz muito perecível.

Camponês (meia cura)

É um queijo vendido com meia cura ou cura completa, com um período mínimo de maturação de 60 dias.

Feta

O nome dado ao queijo coalhado em salmoura na Grécia no século 17. Tradicionalmente feito de leite de cabra ou de ovelha é apreciado em saladas como a Grega, que leva tomate, pepino, azeitona e cebola.

Camembert de Chèvre

 Tem massa mole, sabor suave e ligeiro aroma de cogumelos, que vem da crosta branca. Na França é apreciado ao fim da refeição, em temperatura ambiente ou ao forno com geleia.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Benefícios do Queijo de Cabra

Desde os tempos da antiguidade, o leite de cabra é utilizado como alimento pela humanidade, principalmente pelos egípcios e gregos. Sua fama para outros fins ganhou espaço no antigo Egito com Cleópatra, com seus luxuosos banhos com leite caprino. Já em tempos modernos, fala-se muito das propriedades funcionais. Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o leite de cabra pode ser enquadrado como alimento funcional, por apresentar altos teores de determinados ácidos graxos benéficos ao organismo. Conheça mais alguns benefícios do leite caprino:

Rico em cálcio ele auxilia na combate e prevenção à osteoporose, além de ser constituído por outros minerais, como potássio, magnésio, fósforo, cloro, manganês, e de vitaminas, como A, D, ácido nicotínico e colina. Com baixo teor de lactose o leite caprino torna-se uma importante fonte de nutrição principalmente para idosos, lactentes, convalescentes e alérgicos.

Receita Pão de Queijo

Ingredientes:
4 xícaras (chá) de polvilho doce
1 xícara (chá) de leite de cabra
1 xícara (chá) de água
1 xícara (chá) de óleo
1 prato fundo de queijo camponês (meia cura) de cabra
3 ou 4 ovos
Sal a gosto

Modo de preparo:

Levar ao fogo o leite, a água o óleo e o sal. Após ferver, pega esta mistura e escaldar o polvilho, ou seja, colocar o polvilho dentro da panela e dar uma mexida.

Quando esfriar colocar os ovos e por último o queijo, amassar, fazer as bolinhas e levar ao forno para assar. Retire do forno quando começar a dourar.

Você encontra os produtos Capril Santa Fé:

Fazenda de Minas, rua: Santa Rita Durão, 941 – Savassi.
Na rede de supermercados Verdemar
Barbacena (32) 32 9965-8103
Belo Horizonte (31) 9-9897-7337

Matéria produzida para o Territórios Gastronômicos e Jornal Hoje em Dia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s