Chef Júlio Queiroz no Ingrediente da Vez

Durante um treinamento de guerra, a bordo do navio “Corveta Caboclo”, o Corpo de Fuzileiros Navais do Brasil, foi atingido por um grande temporal, fato este, que levou grande parte do pessoal da cozinha para a enfermaria. Sem ninguém ao posto de ajudante, o Júlio Cesar Queiroz de Araújo foi escalado para trabalhar na cozinha sem experiência. 

O relato acima pode parecer roteiro de filme de aventura, mas no ano de 1983, aos 18 anos, Júlio Queiroz, começou a desenvolver sua aptidão na cozinha. “Naquele dia, junto com o cozinheiro Sargento Lua, cozinhei para 108 pessoas, e primeiro prato como ajudando foi Strogonoff de Frango” relata.

Da Bahia para o Mundo

Filho da cozinheira, Maria da Luz Neves Queiroz, “Caboclinha”, Araújo, nascido no município de Valença, no sul da Bahia sempre esteve presente na cozinha, ajudando sua mãe nas preparações de pratos em um pequeno restaurante em sua cidade natal, o Caboclinha. Ainda jovem, aos 18 anos, passou pela experiência de cozinhar para mais de cem pessoas, e em 1987, ao deixar à marinha, Araújo resolveu se dedicar a cozinha.

Foi para São Paulo, onde se matriculou no curso de Chef de Cozinha do SENAC Grande no Hotel Águas de São Pedro, se especializou e começou a sua jornada frente à cozinha, na cidade de Franca, no interior paulista. Comandou grandes casas como: Minuano, Nono Mio e Picanha na Tábua. Em Ribeirão Preto, também no interior paulista, trabalhou na Onda do Peixe. E percorreu um longo caminho, comandando a rede de churrascaria Espeto de Prata em Campinas, Vinhedo, Americana, Jundiai e na grande São Paulo.

O chef já passou por Manaus, Santos, Salvador e Belo Horizonte, onde aprendeu a rica e diversificada cozinha brasileira.

Hoje, aos 50 anos dos quais 30 dedicados à cozinha, o Chef Júlio, como é conhecido, dedica o seu oficio a comida mineira no comando do Restaurante e Choperia Avenida 651, na cidade de Araxá.

1236

Foto arquivo pessoal

Receita Senzala

 

Ingredientes:
1 abóbora cabocha
300g de carne seca desfiada
1 cebola roxa média
130g de purê de abobora
8 pimentas biquinho
100g de queijo minas em lágrimas (ralado)
2 colheres (sopa) de cheiro verde
2 colheres (sopa) de manteiga de garrafa

Acompanhamentos:
1 ovo
1 banana da terra
farinha de rosca (para empanar)

Modo de preparo:

Abóbora: Corte o tampão da abobora, como se fosse uma tampa. Retire as sementes e leve para cozinhar em uma panela com água quente por 10 minutos. Retire e leve ao forno pré-aquecido até dourar. Reserve.

Recheio: Em uma frigideira doure a cebola cortada em fatias finas por 2 minutos e acrescente a carne seca e cozinhe por cerca de 5 minutos. Reserve.

Montagem: Retire a abóbora do forno e coloque intercalando a carne, o queijo, o purê de abóbora. Finalize com as pimentas biquinho e o cheiro verde.

Acompanhamentos:

Descasque a banana da terra e empane-a no ovo e na farinha de rosca. Frite em gordura quente e sirva junto com o prato, acompanhado também de mandioca cozida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s