Bolinho de Bacalhau

Ingrediente da Vez: Bacalhau

IMG_9365

Bacalhau é o nome comum de várias espécies de peixes classificados em particular no gênero Gadus, pertencente à família Gadidae, sendo o dito “original”, ou “verdadeiro”, o bacalhau encontrado no mar Atlântico, chamado Gadus morhua, que é uma das cerca de 60 espécies da mesma família de peixes migratórios. O Gadus vive nos mares frios do norte, sendo geralmente de tamanho pequeno, embora alguns exemplares possam chegar a pesar 100 kg e medir pouco menos de dois metros. Alimenta-se de outros peixes menores, como o arenque.

Origem

Os portugueses descobriram o bacalhau no século XV, na época das grandes navegações. Naquela época, os viajantes precisavam de produtos que não fossem perecíveis, que suportassem as longas viagens. Segundo a história, eles fizeram tentativas com vários peixes da costa portuguesa, mas foram encontrar o peixe ideal perto do Polo Norte. Foram os portugueses os primeiros a ir pescar o bacalhau na Terra Nova (Canadá), que foi descoberta em 1497. Existem registros de que em 1508 o bacalhau correspondia a 10% do pescado comercializado em Portugal.

Já em 1596, no reinado de D. Manuel, se mandava cobrar o dízimo da pescaria da Terra Nova nos portos de Entre Douro e Minho. Também pescavam o bacalhau na costa da África.

O bacalhau foi imediatamente incorporado aos hábitos alimentares e é até hoje uma de suas principais tradições. Os portugueses se tornaram os maiores consumidores de bacalhau do mundo, chamado por eles carinhosamente de “fiel amigo”. Este termo carinhoso dá bem uma ideia do papel do bacalhau na alimentação dos portugueses.

 O hábito de comer bacalhau veio para o Brasil com os portugueses, já na época do descobrimento. Mas foi com a vinda da corte portuguesa, no início do século XIX, que este hábito alimentar começou a se difundir. Data dessa época a primeira exportação oficial de bacalhau da Noruega para o Brasil, que aconteceu em 1843.

Bolinho de Bacalhau

IMG_9386

Ingredientes:
200g Bacalhau;

2 Batata cozidas amassada (280g);
1 colher de sopa de azeite;
½ cebola;
2 dentes de alho;
¼ xícara de chá de farinha de rosca;
Cheiro verde picado;
Sal e pimenta do reino a gosto;
Óleo para fritar;
Limão taiti para acompanhar.

Modo de preparo:

Prepare um fundo de legumes para cozinhar o bacalhau. Corte a cebola e o alho em pequenos pedaços e doure no azeite, acrescente o bacalhau cozido e já desfiado. Reserve na geladeira. Utilize a água do fundo, onde foi cozinhado o bacalhau para cozinhar a batata. Quando a mesma estiver cozida amasse e leve para refrigerar. Pique as folhas do cheiro verde em pequenos pedaços e misture o sal e a pimenta. Retire o bacalhau e a batata da geladeira e misture todos os ingredientes. ELES DEVEM ESTAR FRIOS. Acrescente aos poucos a farinha de rosca até a mistura dar o ponto de enrolar.
Aqueça o óleo em 160°C e frite os bolinhos colocando poucas unidades por vez na gordura. Escorra em um papel absorvente e sirva quente com um limão. Rende aproximadamente 20 bolinhos.


Referência:
História do 
Bacalhau 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s